Características

Sistema Semi-preparativo e Preparativo

Os sistemas semi-preparativo e preparativo do SFC são aplicados para separação e purificação com alta recuperação. Quando o dióxido de carbono é utilizado como meio, gaseificação vai ocorrer simplesmente por manter as amostras separadas e fracionando em pressão atmosférica, fazendo-a uma das técnicas capazes de refinação de alta eficiência, com algumas dificuldades de pós-processamento, como a eliminação de solventes após uma isolação preparativa. Este oferece uma série de vantagens, incluindo corte de custos relacionado à despesa com a compra de solventes e descarte de solventes orgânicos, entre outras coisas.


Exemplo de sistema semi-preparativo e preparativo do SFC

Aumente a taxa de transferência da amostra pela injeção stuck

Ao encurtar o intervalo de injeção da amostra, permite a sobreposição nos cromatogramas, a separação no modo preparativo pode ser feito com eficiência. Isso significa que a separação e a purificação do mesmo, em uma grande quantidade de amostra, podem ser realizadas com alta recuperação e alta pureza em um curto tempo.

Mecanismo único de coleta de amostra

No SFC, usando CO2 como fase móvel, um dos principais problemas quando a amostra eluida é coletada, é quando o CO2 liberado carrega junto uma parte da amostra. Com o intuito de melhorar a taxa de coleta, a Jasco desenvolveu o Micro Ciclone Separador (MCS) para sistema de SFC semi-preparativo e um dedicado coletor de fração para o sistema SFC preparativo.



SFC Analítico
A JASCO apresenta sua linha de SFC Analítico.
Extração de Fluído Supercrítico
A JASCO apresenta sua linha para Extração de Fluído Supercrítico


Siga a JASCO DO BRASIL nas redes sociais